05/12/2010

Nunca é tarde para amar


Sinopse: Quando atinge a idade de 40 anos Rosie (Michelle Pfeiffer) percebe que está envelhecendo rápido demais,começa então a correr contra o tempo,onde no decorrer começa a esconder a idade,com medo de assustar o jovem Adam (Paul Rudd) ao qual se apaixona.
Rose,solteira e confusa entre o amor por um homem mais novo e a pré-adolescência de sua filha Izzie (Saoirse Ronan) percebe que se não estiver maturidade suficiente,poderá colocar tudo a perder.
Descobrindo que os bons momentos são muitos mais valiosos que a beleza física.












Conclusão: Coloquei-me várias vezes no personagem de Rosie.
Uma mulher que sozinha tenta criar sua filha, mas sente vontade de encontrar um companheiro, onde haja um bom relacionamento com a enteada e tenha uma boa posição profissional, pois esta mulher quer muito que o relacionamento dê certo.
Ao se deparar com um homem mais novo ela começa a se sentir com o tempo preconceito em si mesma.
Agora o lado técnico do filme é bem sem-graça.
Nota: 6,0