14/03/2011

Precioso,tempo!


O tempo anda restrito;
Nem para respirar eu o consigo.

Sinto saudade, do tempo que ficava olhando para o relógio;
E o tempo não passava.

Agora, o tempo voa;
Se bobear, fica muitas pendências para trás.

Nem meus pensamentos;
Eu tenho tempo de postar.

Agora eu tenho que me apressar;
Pois o relógio corre, para eu não me atrasar.